Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

CIDADE FINLANDESA OFERECE €20 EM VIAGENS DE AUTOCARRO A QUEM TIVER CARTA DE CONDUÇÃO

Mäyjo, 17.03.16

turku_SAPO

A cidade de Turku, na Finlândia, está a oferecer a quem utiliza diariamente o automóvel nas suas viagens entre casa e o emprego um acordo tentador: €20 em viagens gratuitas a todos os novos compradores de passe que tenham carta de condução.

O objectivo de Turku, a terceira maior cidade da Finlândia, é que os condutores possam perceber que existe uma forma mais rápida, descontraída e sustentável de viajar na cidade e, assim que os €20 se esgotem, possam carregar o seu passe e seguir a utilizar os transportes públicos.

Se muitos cidadãos trocarem os carros pelos transportes públicos, os constantes congestionamentos da cidade – assim como as emissões emitidas pelos automóveis – teriam uma considerável redução.

Apesar de o valor não ser particularmente relevante, a verdade é que, em Fevereiro, entre 5.000 a 10.000 condutores decidiram usufruir da proposta. E a cidade não se ficará por aqui na tentativa de reduzir o número de automóveis nas suas estradas: existirão também incentivos para os veículos que circularam fora da hora de ponta.

Segundo o City Lab, a Finlândia é hoje em dia um dos países mais inovadores no que toca às novas ideais para os transportes públicos. Muitas vezes, os decisores adoptam ideias lançadas pelos cidadãos, o que acaba por ser um incentivo para que estes continuem a pensar em novas formas de reduzir o trânsito.

A Foli, autoridade de trânsito de Turku, introduziu recentemente um pagamento via smartphone para todos os transportes públicos e vai lançar, no Outono, um novo sistema que levará os táxis até paragens de autocarro das zonas mais afastadas da cidade. O sistema permite a um táxi fazer o serviço de autocarro em zonas mais remotas, levando mais pessoas para o sistema de transportes públicos e reduzindo, efectivamente, os custos destas pessoas com os táxis – que utilizariam de qualquer forma.

Será ainda lançado um plano que unirá os cartões de transportes públicos de nove grandes cidades da Finlândia e, finalmente, todos os horários das 75.000 paragens de autocarro do país serão digitalizados e estarão acessíveis aos utilizadores, brevemente, através de uma app.

Foto: Henry Hagnäs / Creative Commons

HELSÍNQUIA VAI CRIAR RESERVATÓRIO SUBTERRÂNEO GIGANTE DE ÁGUA PARA ARREFECER OS EDIFÍCIOS LOCAIS

Mäyjo, 09.12.15

Helsínquia vai criar reservatório subterrâneo gigante de água para arrefecer os edifícios locais

A capital da Finlândia anunciou várias iniciativas ambientais que têm como objetivo tornar a cidade mais verde e sustentável. Uma destas iniciativas é a criação de um reservatório subterrâneo gigante de água que alimentará um sistema de arrefecimento para vários edifícios de Helsínquia.

O reservatório terá uma capacidade de 34 milhões de litros e vai ser construído a cerca de 91 metros de profundidade no centro da cidade. A água do reservatório vai circular pelo sistema de arrefecimento durante o dia. Durante a noite, a água volta ao reservatório, onde é arrefecida para ser reutilizada no dia seguinte.

Segundo a informação disponibilizada pela autarquia de Helsínquia, este novo sistema de arrefecimento vai permitir reduzir em 80% as emissões de gases com efeitos estufa provenientes dos atuais sistemas de ar condicionado, refere o Inhabitat.

Dentro das novas iniciativas verdes de Helsínquia está contemplado ainda um sistema inteligente de transportes públicos chamado Kutsuplus. O sistema prevê a implementação de mini-autocarros, que os utilizadores podem reservar e adquirir e pagar respectivas tarifas através do computador ou smartphones. Os miniautocarros podem ser partilhados com outros utilizadores que tenham um percurso semelhante, já que os trajetos reservados vão ser partilhados numa aplicação específica. O objectivo é retirar o maior número possível de carros privados das ruas da capital finlandesa.

Foto: pentlandpirate / Creative Commons